• Post category:Novo Jornal

Quatro efetivos da polícia condenados a 30 dias de prisão por abuso de poder

Quatro efetivos da polícia condenados a 30 dias de prisão por abuso de poder

Quatro efetivos da Polícia Nacional, da Direção de Investigação de Ilícitos Penais (DIIP), foram esta quarta-feira (28), condenados a 30 dias de prisão por destratarem em serviço um oficial de justiça do Tribunal da Comarca de Luanda, que tomaram por “burlador” quando fazia a cobrança de caução aos familiares de um detido.

Os efetivos do DIIP detiveram abusivamente o oficial de justiça em pleno tribunal, após receberem uma queixa de extorsão por parte dos familiares de um arguido que foi condenado ao pagamento de caução de 300 mil kwanzas, não permitindo que o mesmo se explicasse.

Para além da pena de prisão, os 4 efetivos da polícia foram igualmente condenados a pagar uma multa de 500 mil kwanzas e uma indeminização de 200 mil kwanzas cada ao ofendido, bem como efetuar o pagamento de uma taxa de justiça no valor de 88 mil kwanzas.