• Post category:Expansão

Economia angolana entrou em 2021 com recessão de 4%

Economia angolana entrou em 2021 com recessão de 4%

No I trimestre de 2016 Angola exportou, em média, 1,760 milhões de barris diários. Entre Janeiro e Março deste ano, foram exportados 1,170 milhões de barris/dia. Contas feitas, Angola exportou no I trimestre deste ano menos 589,5 mil barris por dia em relação há cinco anos.

economia angolana entrou o ano em recessão, com o Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre de 2021 a registar uma queda de 4% face ao mesmo período de 2020, avançou na semana passada o ministro da Economia, Sérgio Santos.

“Estamos ainda em fase de elaboração das contas nacionais, mas as estimativas para o primeiro trimestre apontam para o facto de a nossa economia, de uma maneira geral, ainda continuar em recessão”, avançou o ministro, na semana passada, no final da 5ª sessão ordinária da Comissão Económica do Conselho de Ministros. Ainda assim, os números terão de ser confirmados pelas Contas Nacionais do Instituto Nacional de Estatística (INE), cuja publicação está prevista para 15 de Julho.

Sérgio Santos avançou que, no primeiro trimestre, o sector não petrolífero cresceu 1%, mas o do sector petrolífero caiu 18% devido ao declínio da produção angolana e aos efeitos da pandemia da Covid-19. Ainda assim, nada que comprometa, para já, a previsão do Governo para uma estagnação este ano, presente no relatório de fundamentação do Orçamento Geral do Estado para 2021, que, a confirmar- se, significa que a economia do país está numa “trajectória positiva” depois de cinco recessões económicas consecutivas entre 2016 e 2020, a última das quais foi a maior queda em quatro décadas.