João Lourenço conforta e solidariza-se com deputado que teve filho raptado

João Lourenço conforta e solidariza-se com deputado que teve filho raptado

O Presidente da República, João Lourenço, manifestou-se na noite deste sábado, solidário, e confortou o deputado Lindo Bernardo Tito e a sua família, pela triste situação por que passou o parlamentar e a sua familia, com o rapto do seu filho Valkeny Tito.

A revelação foi feita pelo próprio deputado na tarde deste domingo através da sua conta do Facebook, manifestando assim, agradecido pelo apoio que chefe de Estado prestou através de um telefonema a partir do palácio presidencial.

“Quero em nome da minha família e em meu pessoal, agradecer à sua Excelência João Manuel Gonçalves Lourenço, Presidente da República de Angola, o conforto e a solidariedade manifestada, na sua própria pessoa, através do contacto telefônico, pelo momento difícil vivido durante o rapto do meu filho, Valkeny Tito”, escreveu o deputado

Lindo Bernardo Tito disse, que mostrou-se confiante e seguro num possível aparição do seu filho depois de ter recebido o telefonema de João Lourenço.

“Senhor Presidente, a sua ligação telefônica deixou me seguro e certo que os meliantes serão encontrados e punidos pelos seus actos”.

O também deputado sem inscrição em nenhuma grupo parlamentar finalizou escrevendo, “Obrigado mesmo”.

De recordar que Valkeny Tito”, de 27 anos de idade, filho do deputado e jurista Lindo Bernardo Tito, havia sido ráptado na noite deste sábado por volta das 20h, quando deixava as suas irmãs em casa dos seus país, nas mediações do Benfica, quando estas vinham de um convívio de uma festa familiar.

De seguida o jovem foi abordado por marginais que o brigaram a subir no caro que se fazia acompanhar.

O Correio da Kianda, soube que Valkeny Tito, foi obrigado a entregar os multicaixas e usado para retirar dinheiro.

De salientar que o jovem já se encontra no seio da família, a confirmação foi feita pelo seu pai Lindo Bernardo Tito, também através das redes sociais.